A fundação da Associação Brasileira de Agências de Viagens do Amazonas, em 5 de maio de 1975, proporcionou ao turismo do Estado uma nova dimensão. A entidade passou a ser o canal aberto e direto com as administrações municipal e estadual em todas as questões relacionadas ao setor. A ABAV-AM foi responsável por grandes transformações ao longo dos anos, sendo amplamente reconhecida, principalmente em eventos regionais, conseguindo marcar presença por meio de um trabalho sério e voltado à expansão do turismo pelo Norte do País. Nos seus primeiros dez anos de vida, a ABAV-AM teve apenas um presidente, o empresário Sinval de Andrade Gonçalves, reeleito sucessivamente entre 1975 e 1985. Em 1985, já sob um novo estatuto, que permitia apenas uma reeleição de cada presidente, disputaram a Presidência os empresários Lairton Antonaccio e Mário Tadros, sendo eleito e empossado o segundo, até o final de 1989, quando volta à Presidência Sinval Gonçalves, que permanece no cargo até 1993. Para o biênio 93/95 foi conduzido ao cargo o agente de viagens Ítalo Bianco e reeleito para o biênio 97/99. Sob o ditame do novo Estatuto foi eleito para o biênio 95/97 o empresário Eury Barros da Amazon Explorers e reeleito para biênio 99/2001. Seqüencialmente na linha sucessória foi eleito para o biênio 2001/2003 o empresário Paulo Tadros da Equatorial Passagens e Turismo sendo reeleito para exercer a presidência no biênio 2003/2005. Posteriormente fora eleito para o biênio 2005/2007 o empresário Jorge Abrahão da Tucunaré Turismo sendo reeleito para o biênio 2007/2009. Assim prosseguindo, para o biênio 2009/2011 retorna à Presidência o empresário Paulo Tadros, sendo reeleito paro o biênio 2011/2013. Nesta seqüência é eleita para presidir a ABAV AM no biênio 2013/2015 a Senhora Maria Helena de Souza Fonseca da Lírio do Amazonas Viagens e Turismo sendo reeleita para o biênio 2015/2017. Assim, no ano de 2017 foi eleito o Senhor Roberto Conhago Tavares para presidir a ABAV AM no biênio 2017 / 2019.  Segundo Sinval Gonçalves,  a ABAV do Amazonas tornou-se realidade a partir da iniciativa dos agentes de viagens Gaitano Antonaccio (Tarusa), Carlos Alberto Bindá (Selvatur) e Luciano Lima de Albuquerque (Martilopes Turismo). As agências Tabatur, Amazon Explores, Luciatour, Equatorial Passagens e Turismo, Telestar Turismo, ATA Agência de Turismo da Amazônia, também contribuíram para a criação da ABAV do Amazonas. À época, estas eram as oito agências de viagens de Manaus. A ATA, representada por Paulo Arantes, e a Telestar, de Jesus Queiroz de Souza Silva, eram então filiadas à ABAV Pará, presidida por José Serruya, que estimulou a criação da ABAV Amazonas. “Como ponto de partida, o sr. Presidente (Gaitano Antonaccio presidiu a Assembléia Geral de Instituição) afirmou que a reunião que se estava processando foi resultado de uma entrevista que manteve com os srs. José Serruya, presidente da ABAV do Pará, e José Paulo Queiroz, ambos do vizinho estado do Pará, e que vieram no sentido de estimularem as agências de Manaus a fundarem o Diretório Regional da ABAV do Amazonas”, descreve o texto da primeira ata. Esta assembléia foi realizada na sede da Tarusa Viagens e Promoções S/A.